Apresentação

Espaço para a apresentação e análise de estudos e pesquisas de alunos da UFRJ, resultantes da adoção do Método de Educação Tutorial, com o objetivo de difundir informações e orientações sobre Química, Toxicologia e Tecnologia de Alimentos.

O Blog também é parte das atividades do LabConsS - Laboratório de Vida Urbana, Consumo & Saúde, criado e operado pelo Grupo PET-SESu/Farmácia & Saúde Pública da UFRJ.Nesse contexto, quando se fala em Química e Tecnologia de Alimentos, se privilegia um olhar "Farmacêutico", um olhar "Sanitário", um olhar socialmente orientado e oriundo do universo do "Consumerismo e Saúde", em vez de apenas um reducionista Olhar Tecnológico.

domingo, 18 de junho de 2017

Reposição de colágeno por balas de gelatina FINI: é possível?

As Balas de Gelatina Fini Natural Sweets Vitamina Colágeno são fabricadas à base de gelatina e contém adição de colágeno, elas possuem o objetivo de auxiliar na reposição do colágeno e na dieta de baixa ingestão de açúcar. Em suas propagandas, ela ainda é enaltecida por possui corante e aroma natural, e não conter glúten ou açúcares. Mas será que essas balas realmente são eficientes na reposição de colágeno?  



Introdução
Nos dias atuais, a busca pela vida saudável, pela beleza do corpo, por ser fitness tem aumentado constantemente e há muitos que andam se aproveitando dessa nova “onda”. Muitos andam lançando mão de produtos inovadores, produtos capsulados ou até mesmo em forma de gelatinas contendo colágeno, por exemplo, podem ser encontrados em prateleiras de farmácias e, quem sabe no mercado.
                Frequentemente a proposta desses produtos não é realmente uma verdade. Tomar essas cápsulas ou comer essas balas, muitas vezes, não leva a uma real reposição ou absorção significativa da substância desejada. Não obstante, essas marcas, muitas vezes, usam celebridades que possuem muitos seguidores em redes sociais para fazer propaganda de seus produtos.

Fundamentos Bromatológicos e Discussão
            Como ingredientes presentes no rótulo: Xarope de Glicose, Açúcar, Água, Colágeno, Concentrado de Cenoura, Maçã e Cártamo, Óleo Vegetal não Hidrogenado de Coco e Palmiste, Gelificantes: Gelatina e Pectina, Acidulantes: Ácido Cítrico e Ácido Láctico, Antioxidante: Lactato de Sódio, Aromas Naturais de: Morango, Maçã Verde e Laranja e Corantes Naturais: Antocianina e Clorofilina Cúprica. Não Contém Glúten.
Tabela nutricional:
Informação Nutricional
Quantidade por porção
18 g (1 pacote)
% VD (*)
Valor energético/ Calorias
63 kcal = 266 kJ
3
Carboidratos
15 g
5
Proteínas
1,0 g
1
Sódio
11 mg
0
“Não contém quantidade significativa de gorduras totais, gorduras saturadas, gorduras trans e fibra alimentar”. (*) % Valores Diários com base em uma dieta de 2000 kcal ou 8400 kJ. Seus valores diários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas.

           
Este é um produto a base de gelatina e contem adição de colágeno. O colágeno é um ingrediente com características funcionais, é uma proteína de origem animal, cuja função no  organismo é contribuir com a integridade estrutural dos tecidos em que está presente. Ele pode ser encontrado nos tecidos conjuntivos do corpo, tais como os ossos, tendões, cartilagens, veias, pele, dentes, bem como nos músculos e na camada córnea dos olhos.
            gelatina é um derivado bovino e tem a habilidade de formar géis estáveis e reversíveis. É amplamente utilizada na indústria de alimentos, cosméticos e fármacos, sendo produzida em grande escala e a preços relativamente baixos, justificando assim o grande interesse em seu uso devido às suas propriedades multifuncionais: habilidade de formar géis estáveis e reversíveis.
                A principal diferença da gelatina para o colágeno, o qual pode ser comprado na forma de pó ou cápsulas, é que a gelatina não passa pelo processo de hidrólise, ou seja, ela não é hidrolisada, mas também é colágeno (não hidrolisado). Por outro lado, o colágeno hidrolisado (tipo I) também é um derivado bovino com alto conteúdo protéico (84 a 90%), sua extração é feita em água ou através de enzimas, este processo de hidrólise quebra as moléculas da proteína presente no colágeno. Logo, com um tamanho menor, elas são absorvidas pelo organismo com mais facilidade. O colágeno hidrolisado não apresenta poder de gelatinização, sendo de fácil manuseio e pode ser usado no preparo de diversos alimentos em conjunto com a gelatina.
                As balas de gelatina Fini Natural Sweets Vitamina Colágeno de 18g são fabricadas à base de gelatina e sua propaganda diz que ela possui o objetivo de auxiliar na reposição do colágeno e na dieta com baixa de ingestão de açúcar. Ainda se dizem ótimas para acompanhar o dia-a-dia, pois vêm em embalagem prática de 18 gramas, sendo “perfeita” para consumo após o lanche e ideal para levá-la a academia, piqueniques, reunião de trabalho, no ônibus ou no carro.
                No endereço eletrônico da marca, há a seguinte descrição: “Sendo uma das proteínas mais abundantes no organismo, o colágeno é importante para o ser humano, em todas as fases da vida. São exemplos de boas fontes do colágeno, a gelatina, carnes, ovo e frutas cítricas.”
                Observando a lista de ingredientes, percebe-se a presença de xarope de glicose e açúcar. Ou seja, não é um alimento capaz de ajudar na dieta de quem pretende diminuir a ingesta de açúcar. Por outro lado, como é possível notar na lista de ingredientes, nessas balas há realmente a presença de colágeno, porém, é o colágeno na sua forma íntegra, o qual apresenta uma taxa de absorção irrelevante pelo nosso organismo. O ideal para consumo oral é o colágeno hidrolisado, o mesmo é reconhecido como um nutracêutico seguro, cuja combinação de aminoácidos estimula a síntese de colágeno nas cartilagens e na matriz extracelular de outros tecidos.

Legislação
            A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) estabeleceu na RDC N° 18, DE 30 DE ABRIL DE 1999, as diretrizes básicas para análise e comprovação de propriedades funcionais e/ou de saúde alegadas em rotulagem de alimentos, tais como:
a) não se pode apresentar no rótulo atributos de efeitos ou propriedades que não possam ser demonstrados;
b) é proibida a indicação de que o alimento possui propriedades medicinais ou terapêuticas.
                Ainda sobre as diretrizes para utilização da alegação de propriedades funcionais e ou de saúde, é previsto nessa RDC que são permitidas alegações de função e/ou conteúdo para nutrientes e não nutrientes; podendo ser aceitas aquelas que descrevem o papel fisiológico do nutriente ou não nutriente no crescimento, desenvolvimento e funções normais do organismo, mediante demonstração da eficácia. Para os nutrientes com funções plenamente reconhecidas pela comunidade científica não será necessária a demonstração de eficácia ou análise da mesma para alegação funcional na rotulagem.
                Na Consulta Pública nº 66, de 16 de agosto de 2001, feita ANVISA, diz:
 “12. PROPAGANDA
12.1. Deve atender ao disposto no Decreto -Lei 986, de 12 de outubro de 1969 e ao Regulamento Técnico específico sobre propaganda de alimentos.
12.2. Qualquer informação sobre as propriedades do produto, veiculada por qualquer meio de comunicação, não pode ser diferente daquela aprovada para a rotulagem.
12.3. Qualquer folheto que venha a acompanhar o produto não pode veicular informações diferentes daquelas aprovadas para a rotulagem.”

Conclusão
                Assim, é possível dizer que esse produto não segue a Consulta Pública nº 66, de 16 de agosto de 2001, fazendo, desse modo, uma propaganda irregular de seu produto.  Esse produto também não obedece as diretrizes da RDC N° 18, DE 30 DE ABRIL DE 1999, uma vez que é atribuído a ele efeitos e propriedades que não podem ser demonstradas, pois o colágeno íntegro não é absorvido, logo, não exerce suas funções. O produto, além disso, apresenta indicação propriedades terapêuticas, pois diz que aumenta a absorção de colágeno, o que é uma afirmação falsa e proibida de ser feita.
                Dessa maneira, é uma ilusão acreditar que essas balas são uma fonte de colágeno para quem busca reposição do mesmo, bem como seu consumo é um engodo para quem objetiva uma dieta com uma redução na quantidade de açúcar.
                É verdade que existem muitos consumidores intentando uma vida mais saudável, os quais, por outro lado, não querem abrir mão de suas guloseimas, desde que essas sejam “saudáveis”. Sendo esse grupo de pessoas, o qual cresce progressivamente, o público alvo do produto Balas de Gelatina Fini Natural Sweets - Vitamina Colágeno. Isso nos leva a acreditar que esse produto não passa de uma jogada de marketing.

Referências
Ø  Porfírio, Elisângela, and Gustavo Bernardes Fanaro. "Collagen supplementation as a complementary therapy for the prevention and treatment of osteoporosis and osteoarthritis: a systematic review." Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia 19.1 (2016): 153-164.
Ø  GONÇALVES, Gleidiana Rodrigues et al. Benefícios da ingestão de colágeno para o organismo humano. Revista Eletrônica de Biologia (REB). ISSN 1983-7682, [S.l.], v. 8, n. 2, p. 190-206, ago. 2015. ISSN 1983-7682. Disponível em: <https://revistas.pucsp.br/index.php/reb/article/view/18568>. Acesso em: 17 jun. 2017.
Ø  FERREIRA DA SILVA, Tatiane; BARRETTO PENNA, Ana Lúcia. Colágeno: Características químicas e propriedades funcionais. Rev. Inst. Adolfo Lutz (Impr.),  São Paulo,  v. 71,  n. 3,   2012 .   Disponível em <http://periodicos.ses.sp.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0073-98552012000300014&lng=pt&nrm=iso>. acessos em  17. jun.  2017.
Ø  ANVISA. Consulta Pública nº 66, de 16 de agosto de 2001 D.O de 17/08/2001. Disponível em: <http://www4.anvisa.gov.br/base/visadoc/CP/CP%5B2820-1-0%5D.PDF>Visualizado 17.06.2017.
Ø  ANVISA. RDC N° 18, DE 30 DE ABRIL DE 1999. Disponível em: < http://portal.anvisa.gov.br/documents/10181/2718376/RES_18_1999_COMP.pdf/dd30fd35-e7ea-4f8d-be72-ae2e439191b0> Acesso em 18.06.2017
Ø  Fini Store, Disponível em: <http://www.finistore.com.br/natural-sweets-colageno/p> Acesso em 17.06.2017
Droga Raia, Disponível em: < http://www.drogaraia.com.br/cuidados-diarios/fini-natural-sweets-colageno-sache-18g.html> Acesso em 17.06.2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário